NOSSO PROJETO

 

ASSISTA ABAIXO O VÍDEO QUE FIZEMOS AO LONGO DE 2016, ONDE O PROJETO FOI REALIZADO POR MEIO DO PROGRAMA VAI I, DA SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA DE SÃO PAULO

home_navegando_company_hover_box2home_navegando_company_hover_box



À PARTIR DE 2016

O Navegando nas Artes explora 3 territórios da Represa Billings (Jardim Gaivotas, Parque Linear Cantinho do Céu e Ilha do Bororé) com vivências e ações culturais nas margens, fomentando o diálogo e uma conscientização do território em que se vive.


A REPRESA COM ARTE E BARCO A VELA


Iniciativa que promove vivências náutica utilizando barcos à vela, com foco no estimulo de reflexão, sensibilização e mobilização das comunidades que vivem às margens da Represa Billings - na zona sul de São Paulo - para temos como valorização da água como bem natural finito, do meio ambiente, da mobilização e ocupação dos espaços públicos, sempre alinhado com a linguagem artística do graffiti, que é forte na região.

parallax background

O problema que pretendemos resolver

Por meio do projeto e sua relação com as comunidades que vivem às margens da represa Billings, queremos causar impacto positivo na relação destas comunidades e seu ambiente. Propomos que em conjunto a comunidade, podemos transformar e garantir um melhor aproveitamento da nossa represa.

A solução que nosso projeto oferece

Resgatar a cultura náutica a partir dos próprios jovens que vivenciaram o processo/experiência e que hoje exercem o papel de agentes/educadores e produtores culturais na comunidade, em parceria com artistas da região do Grajaú, propondo reflexão entre o esporte náutico, a Cultura e a Arte.


DE VENTO EM POPA


O Navegando nas Artes é resultado do trabalho que a ONG Vento e Popa construiu no bairro Jardim Gaivotas, atuando de 2001 à 2011, a ONG investiu no potencial náutico acreditando na vela como ferramenta para transformação social.


GOSTARIA DE FAZER PARTE DESSE PROJETO?